Reliable engineering
takes many forms


Caracterização Ambiental da rede de transmissão portuguesa a partir de dados de inspecção de linhas

26 Maio 2011by admin
por F. Azevedo¹’², J. Gomes-Mota², L. Campos Pinto³, J. Casaca³ (Comité de Estudos C3); CENTRIA Universidade Nova de Lisboa¹, Albatroz Engenharia², REN – Redes Elétrica Nacional²
artigo em Português apresentado no XIV ERIAC – XIV Encontro Região Ibero-Americana do CIGRÉ, Ciudad del Este, Paraguai, 22 a 26 de Maio, 2011, xiveriac.cigre.org.py .

Resumo

Para comparar a eficiência da exploração com empresas congéneres, a REN, concessionária da Rede Nacional de Transporte (RNT) portuguesa recorre ao ITOMS, uma metodologia que exige a caracterização ambiental dos terrenos atravessados pelas linhas eléctricas. No passado, a REN usara métodos indiciários de caracterização ambiental mas, para a campanha de 2008 e 2009, a REN decidiu fazer uma caracterização exaustiva da RNT, vão a vão, mercê das novas tecnologias de inspecção de linhas que incluem medição de distâncias e caracterização tridimensional da faixa de servidão das linhas.

Foram calculados índices de urbanização e de crescimento da vegetação por processamento automático dos dados tridimensionais recolhidos com  LiDAR, seguidos de revisão por supervisão humana apoiada nas inspecções de vídeo e em sistemas de informação geográfica. Os modelos de crescimento foram validados por uma análise comparativa de inspecções em anos sucessivos (2008-09). Em 2010 também iniciámos estudos para incluir o efeito das aves, em especial das cegonhas que nidificam nos apoios das linhas, na caracterização ambiental das faixas da RNT que, combinada com outros elementos de manutenção da vegetação e de exploração da rede, permite criar modelos de risco para optimização da exploração da RNT.